“O governador disse que não sabia o que fazer. Está cumprindo sua promessa”, diz Tarso Genro

Publicado: 31 de julho de 2015 em Uncategorized
Tags:, ,
Ex-governador do Rio Grande do Sul afirmou, nas redes sociais, que Sartori está jogando novas crises para o futuro

O menos pior seria o Tarso Genro, como governo do PT e não conseguiu boa administração do Estado do Rio Grande do Sul, sem a Segurança Pública, a Saúde, Educação e as estradas. Mas assim seria muito melhor com o Sartori, um louco, burro, um governicho e ainda um covarde, que hoje só falou o secretário da Fazenda.

O ex-governador Tarso Genro (PT) voltou a se manifestar na tarde desta sexta-feira sobre a situação financeira do Estado e o parcelamento dos salários de julho dos servidores públicos. Nas redes sociais, ele fez críticas ao governo do PMDB e escreveu que os gaúchos não foram enganados, pois José Ivo Sartori estaria “cumprindo sua promessa”.

“Não é chororô, é falta de dinheiro mesmo”, diz secretário da Fazenda
“É uma notícia que ninguém gostaria de dar”, diz José Ivo Sartori

O que está ocorrendo? Estão gerando novas dívidas para o futuro. Novas crises para o futuro. Estão aumentando a dívida pública. Como já fizeram. Mas justiça seja feita. O povo gaúcho não foi enganado. O governador disse que não sabia o que iria fazer. Está cumprindo a sua promessa — opinou Tarso.

Juliano Rodrigues: Onde foi parar a transparência de Sartori?

O petista afirmou, ainda, que evitou “jogar a crise nas costas dos servidores” durante o seu mandato no Piratini. Segundo ele, a medida não vai resolver a crise.

Com aumento de ICMS, Piratini espera arrecadar mais R$ 2 bi em 2016

Se não pagar, arrochar os salários, salvasse, o Estado já estaria salvo e seria simples. Esta agenda, de jogar a crise nas costas dos servidores e reduzir as funções públicas do Estado foi o que evitamos durante os nossos quatro anos. Sair de uma crise “ferrando” os “de baixo” não é difícil. Não se paga e reprime. Paralisa-se o Estado, manipula-se a informação — escreveu o ex-governador.

Servidores protestam contra o parcelamento dos salários na Capital

Com salários parcelados pelo governo do Estado, que depositou R$ 2.150 nesta sexta-feira, servidores que recebem acima de R$ 3.150 só devem ter seus vencimentos de julho integralizados até 25 de agosto, em três parcelas. Quem ganha até R$ 3.150 receberá os R$ 1 mil faltantes no dia 13 de agosto.

* Zero Hora

comentários
  1. thiago disse:

    Esse gringo que raspe o “bigode”, pois só homem que deve usar bigode..bando de safados.. e aquele secretario da SEFAZ que é aquele lixo com o bolso cheio pedindo aperto…haaa ! vão..

  2. É PATÉTICA A POSTURA TENDENCIOSA, DESTE INCOMPETENTE E INÉPTO POLÍTICO MEDÍOCRE, ORA ELEITO GOVERNADOR DO ESTADO DO RS, QUANDO COVARDEMENTE – Visto que não apresenta-se pessoalmente em público, nem recebe Lideranças Classistas, Representativas dos Servidores Públicos do Estado -, REMETE UMA GRAVAÇÃO EM VÍDEO PARA SER VEICULADA ATRAVÉS DA IMPRENSA, ONDE MAIS UMA VEZ, EM ESCANCARADA DEMONSTRAÇÃO DE TER PRATICADO UM ESTELIONATO ELEITORAL, TENTA LUDIBRIAR O ELEITORADO, CONCLAMANDO A SOCIEDADE GAÚCHA E EM ESPECIAL OS COMBALIDOS SERVIDORES PÚBLICOS ESTATUTÁRIOS – Reais Funcionários Públicos Estaduais, visto que ingressaram no Serviço Público do RS, mediante Concurso Público -, EM SEREM CONDESCENDENTES COM SUAS ARTIMANHAS POLITIQUEIRAS, QUE OBJETIVAM TÃO SOMENTE ACABAREM COM A REGULARIDADE FUNCIONAL DO ESTADO, PRIVILEGIANDO OS CARGOS DE CONFIANÇA, INVESTIDOS NO ESTADO ATRAVÉS DE INDICAÇÕES POLÍTICO-PARTIDÁRIAS, OS QUAIS NENHUM COMPROMISSO, ENTENDEM DEVEREM ASSUMIR COM A COISA PÚBLICA, MAS TÃO SOMENTE COM OS PARTIDOS E OS “Padrinhos”, QUE OS CONDUZIRAM À CARGOS DE “Assessoramento”, ONDE PERCEBEM EM DIA, AUSENTES QUAISQUER PARCELAMENTOS OU ATRASOS, SALÁRIOS BEM MAIS ELEVADOS DO QUE AQUELE PAGO AOS ESTATUTÁRIOS, NEM SEMPRE EXERCENDO AS FUNÇÕES PARA AS QUAIS FORAM NOMEADOS, E, EM MUITAS DAS VEZES, SEQUER COMPARECENDO AO LOCAL ONDE DEVERIAM TRABALHAR, VISTO SEREM DIVERSOS DESTES, PARENTES DE POLÍTICOS E SECRETÁRIOS DE ESTADO.

    NO DECORRER DA TARDE, ASSISTI ALGUNS JORNALISTAS COMPROMETIDOS COM O PALÁCIO PIRATINI, DISCORREREM INSUBSISTENTE E EXTEMPORANEAMENTE, ACERCA DA ILEGALIDADE DE GREVES NO ÂMBITO DA SEGURANÇA PÚBLICA, MANIFESTAÇÃO POBRE, QUE CONFIGURA-SE COMO BALELA PÍFIA, POSTO QUE O CRIMINOSO “In Tela” É TÃO SOMENTE O DESQUALIFICADO GOVERNADOR, QUE SEQÜESTRA DESUMANA E CRIMINOSAMENTE, SALÁRIOS DO SETOR MAIS IMPORTANTE PARA A POPULAÇÃO.

    ENTÃO PORQUE ELE NÃO PARCELA SEU PRÓPRIO SALÁRIO, O DO SECRETARIADO EM GERAL, DOS CARGOS DE CONFIANÇA, DOS PARLAMENTARES, DOS MAGISTRADOS E DOS INTEGRANTES DO MINISTÉRIO PÚBLICO?

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s