Até o secretário da SSP é contra os parcelamento de salários: “Crise vai impactar na proteção à sociedade”

Publicado: 28 de agosto de 2015 em Uncategorized
Tags:, ,
Secretário Wantuir Jacini explica que parcelamento de salários no Estado traz intranquilidade aos servidores e reflete na relação de trabalho

O caos nas finanças que provoca atrasos nos salários do funcionalismo estadual poderá acirrar a criminalidade, admitiu ontem o secretário da Segurança Pública, Wantuir Jacini. Ele saudou o resultado da estatística do primeiro semestre, apontando redução de nove entre 11 crimes divulgados pela SSP, mais apreensões de armas e de drogas. No entanto, mostrou-se preocupado com a tendência de “números diferentes” nos próximos meses.

No momento em que o parcelamento traz intranquilidade aos servidores, que não podem honrar seus compromissos particulares, naturalmente, isso vai impactar na sua relação de trabalho e na proteção à sociedade – disse Jacini em reunião da Comissão de Segurança e Serviços Públicos da Assembleia.

O cenário é de tempos difíceis. Entre paralisações e promessas de novos protestos por causa dos fracionamentos dos vencimentos, já ocorreram neste segundo semestre surtos de homicídios e latrocínios. Os roubos seguem em alta, o número de prisões vem caindo e policiais militares estão indo em massa para a reserva por receio da aprovação de leis que determinem perdas de benefícios.
Em meio à apresentação do planejamento estratégico da SSP para deputados e líderes sindicais das categorias da segurança, Jacini intercalou ações positivas de sua pasta, mas chamou mais atenção ao pintar um quadro de penúria. Lamentou a crise financeira, a que chamou de herança econômica de décadas que prejudica investimentos e a contratação de servidores, também pediu apoio dos parlamentares para que seja incluída no orçamento federal verba específica para a segurança (assim como tem para saúde e educação), e endurecimento da legislação penal para quem porta armas de fogo e enfrenta o prende e solta de criminosos.
Delegacias não têm efetivos
Jacini disse que delegacias não têm efetivos para enfrentar roubos de veículos e crimes conexos e entregou uma minuta de projeto de lei que regulamenta o combate ao comércio ilegal de peças.

Existem 1,5 mil desmanches no Estado, mais de mil na Região Metropolitana. Em apenas uma avenida (Sertório), em Porto Alegre, são 39 – afirmou.

Jacini enfatizou a prioridade de combater a violência nas 19 cidades que concentram 85% da criminalidade, mas que também precisa dar atenção a outras regiões, como as de fronteiras, onde 197 cidades são castigadas pelo abigeato.

Somos o quarto PIB do país, e as áreas rurais não têm policiamento preventivo, só reativo.

Ao final de 40 minutos de exposição, a explanação de Jacini se transformou em uma sessão de duas horas de críticas à secretaria e ao governo do Estado, rebatidas apenas por deputados da base aliada ao Piratini.

JOSÉ LUÍS COSTA/ZH

comentários
  1. SARTORI O DÉSPOTA TOTALITÁRISTA, QUE EM 1997, JUNTAMENTE COM ANTONIO BRITTO, INICIOU O DESMONTE E FALÊNCIA DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, REINVENTANDO UMA DÍVIDA JÁ QUITADA, BEM COMO VENDENDO EMPRESAS ESTATAIS SÓLIDAS E RENTÁVEIS PARA AMIGOS AFINIZADOS COM O PMDB, PRATICANDO PREÇOS ABAIXO DO VALOR DE MERCADO, CAUSANDO PREJUÍZOS DE FUTURA INCERTA REPARAÇÃO AOS COFRES PÚBLICOS, BEM COMO, ENDIVIDANDO PARA A POSTERIDADE O ESTADO DO RS.

    QUANDO ANTONIO BRITTO FILHO, FOI GOVERNADOR DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, NO ANO DE 1997, JOSÉ IVO SARTORI, NA CONDIÇÃO DE PRESIDENTE DA ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA – Utilizando a mesma estratégia mentirosa, atualmente aplicada contra a sociedade Gaúcha, sempre alegando não ter dinheiro – APROVOU DECRETO DO PODER EXECUTIVO, DETERMINANDO FOSSE REINVENTADA UMA SUPOSTA DÍVIDA DO ESTADO PARA COM A UNIÃO, A QUAL DE HÀ MUITO JÁ HAVIA SIDO PAGA, CAUSANDO ASSIM O ETERNO ENDIVIDAMENTO DO ESTADO.

    NAQUELA OPORTUNIDADE, TAMBÉM FOI APROVADA POR SARTORI, A PRIVATIZAÇÃO DA Companhia Riograndense de Telecomunicações–CRT, QUE FOI VENDIDA PARA O GRUPO RBS, DO QUAL ANTONIO BRITTO HAVIA SIDO EMPREGADO.

    IGUALMENTE, TAMBÉM REUNIDOS EM CONCURSO DE VONTADES, OBJETIVANDO ACABAREM COM A ESTRUTURA DOS SERVIÇOS PÚBLICOS, REDUZINDO A MÁQUINA ESTADUAL, INSTITUÍRAM O CRIMINOSO Plano de Demissões Voluntárias–PDV, INDUZINDO APROXIMADAMENTE 13.00 (Treze Mil) SERVIDORES PÚBLICOS ESTATUTÁRIOS, QUALIFICADOS TÉCNICAMENTE, POSTO QUE HAVIAM SIDO FORMADOS MEDIANTE RECURSOS DO ESTADO, CAUSANDO ASSIM, UM MAIOR VOLUME DE PREJUÍZOS PECUNIÁRIOS AO ESTADO, BEM COMO REDUZINDO A CAPACIDADE FUNCIONAL E QUALIDADE DOS SERVIÇOS PÚBLICOS, POSTO QUE OS DEMITIDOS PASSARAM À ATUAREM NA INICIATIVA PRIVADA, COMPETINDO CONTRA A MÀQUINA PÚBLICA. OS SUPRADITOS FUNCIONÁRIOS, SOMENTE CONCORDARAM EM SE DEMITIREM, VISTO QUE TAL COMO NA ATUALIDADE, SOFRERAM PRESSÃO DO EXECUTIVO, NÃO RECEBENDO OS SALÁRIOS MENSAIS, MUITO MENOS REPOSIÇÕES INFLACIONÁRIAS E TAMPOUCO, CONDIÇÕES MÍNIMAS DE TRABALHO, TAIS COMO EQUIPAMENTOS E COMBUSTÍVEL. OU SEJA, TUDO IGUALZINHO AO QUE ATUALMENTE ESTÁ OCORRENDO!

    OBSERVEM, QUE SOMENTE QUANDO O JOSÉ IVO SARTORI, ASSUME ALGUM CARGO DE RELEVÂNCIA NO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ELEITO PELO PMDB, SEMPRE SUPOSTAMENTE FALTA DINHEIRO PARA TUDO, ATINGINGINDO PRINCIPALMENTE OS FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS ESTADUAIS ESTATUTÁRIOS, INTEGRANTES DA SECRETARIA DA SEGURANÇA PÚBLICA, SECRETARIA DA EDUCAÇÃO E SECRETARIA DA SAÚDE. OU SEJA, AS TRÊS ÁREAS DE MAIOR IMPORTÂNCIA, QUE ABALAM DIRETAMENTE A SOCIEDADE COMO UM TODO!

    ORA, ESTA É UMA ESTRATÉGIA CRIMINOSA, HEDIONDA, PASSÍVEL DE SER IMPLEMENTADA SOMENTE POR UM DÉSPOTA TOTALITARISTA, CUJA ESTRUTURA DA PERSONALIDADE, APRESENTA-SE PERMEADA DE CONTEÚDO EXCLUDENTE E GENOCIDA, POSTO QUE NA VERDADE O MESMO NÃO ESTÁ PREOCUPADO COM AS CONSEQÜÊNCIAS ADVINDAS DA IMPLEMENTAÇÃO DE SEUS ATOS INSANOS, POSTO QUE A MAIORIA ATINGIDA, SERÁ EXATAMENTE A DOS MAIS POBRES E NECESSITADOS.

    QUAL É O OBJETIVO DE TUDO ISSO?

    CERTAMENTE, QUE CONCLUIR O DESMONTE DO ESTADO, IMPOSSÍVEL DE CONCRETIZAR EM 1997, TANTO QUE NÃO MAIS AUTORIZOU A REPOSIÇÃO DOS EFETIVOS DA BRIGADA MILITAR, POLÍCIA CIVIL, SUPERINTENDÊNCIA DOS SERVIÇOS PENITENCIÁRIOS E MAGISTÉRIO ESTADUAIS, ÁREAS ONDE SE SOBRESSAI A REDUÇÃO DE FUNCIONÁRIOS, POSTO QUE OS MAIS ANTIGOS DEBANDARAM, APOSENTANDO-SE QUANDO ESTE INÉPTO SER DEFORMADO DE CARÁTER, INICIOU A REEDIÇÃO DE SEU MAQUIAVÉLICO PLANO EM CONCLUIR O DESTROÇAMENTO DO ESTADO, DECLARANDO QUE NÃO IRIA INVESTIR NA FUNÇÃO PÚBLICA, TODO E QUALQUER CANDIDATO, APROVADO EM CONCURSOS PÚBLICOS.

    DESSA FORMA, A CRIMINALIDADE, OS FURTOS, ROUBOS A PEDESTRES E RESIDÊNCIAS, EXPLOSÕES DE CAIXAS ELETRÔNICOS, ROUBO DE AUTOMÓVEIS E ASSASSINATOS AUMENTARAM AVASSALADORAMENTE, MESMO QUE O INCOMPETENTE E HILÁRIO SECRETÁRIO DE SEGURANÇA, WANTUIR FRANCISCO BRASIL JACINI, TENHA APRESENTADO-SE, MENTINDO DESBRAGADAMENTE, PERANTE A COMISSÃO DE SEGURANÇA DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA, ONDE APRESENTOU GRÁFICOS SURREALISTAS, MAQUIADOS EM CONFORMIDADE COM AS TEORIAS INSUBSISTENTES E INELUTÁVEIS E IRRESPONDÍVEIS QUE FORMULOU.

    ASSIM, ESTABELECIDO O CAOS GENERALIZADO, O TENDENCIOSO, MALEDICENTE, PRIVATIVISTA, CRUEL E DESUMANO POLÍTICO MEDÍOCRE JOSÉ IVO SARTORI, JÁ ESTÁ INICIANDO, NOVA RODADA DE VENDA DE ÓRGÃO ESTATAIS RENTÁVEIS, QUE AFORA A CAPACITAÇÃO DA ARRECADAÇÃO DE RECURSOS FINANCEIROS, OFERTAM AO ESTADO FUNDAMENTAÇÃO CIENTÍFICA, PRESERVANDO A BIO-DIVERSIDADE, INCLUSA FLORA E FAUNA, BEM COMO PESQUISAS LABORATORIAIS E CIENTÍFICAS EM PROL DA VIDA HUMANA DOS GAÚCHOS.

    A PROPALADA DÍVIDA, PARA COM O GOVERNO FEDERAL NÃO EXISTE MAIS, JÁ FOI PAGA ANTES DE 1997, O ANTONIO BRITTO E JOSÉ IVO SARTORI, SOMENTE REINVENTARAM UMA SUPOSTA DÍVIDA, ATENDENDO APELO DE FERNANDO HENRIQUE CARDOSO, QUE PRIVATIZOU TODO O BRASIL, BENEFICIANDO DANIEL DANTAS, PRINCIPALMENTE NO QUE CONCERNE ÀS OPERADORAS DE TELEFONIA, TANTO QUE LOGO APÓS TEREM PRIVATIZADO A CRT, A RBS FOI VENCIDA EM NOVO “Leilão”, PELO BANCO OPPORTUNITY DE DANTAS, QUE COMPROU TODO O PATRIMÔNIO DA ESTATAL RIOGRANDENSE VENDIDA POR BRITTO E SARTORI.

    EM 1998, ANTONIO BRITTO, FOI TRABALHAR NO BANCO OPPORTUNITY DE DANIEL DANTAS NA CONDIÇÃO DE “Consultor” – Termo modernamente utilizado por José Dirceu, Antonio Palocci, Luis Inácio LULA da Silva, e todos os Políticos Brasileiros, envolvidos em fatos desviantes e criminosos no Serviço Público Brasileiro – SENDO DESIGNADO PELO BANQUEIRO, PARA ADMINISTRAR EXATA E COINCIDENTEMENTE, O CONTROLE ACIONÁRIO DA EXTINTA Companhia Riograndense de Telecomunicações-CRT.

    È INEGÁVEL, QUE NO PERÍODO DE 1999 ATÉ 2003, OLÍVIO DUTRA, ENGROSSOU A DÍVIDA DO ESTADO, DEVIDO AO NÚMERO ASSUSTADOR DE CCs, QUE INVESTIU EM FUNÇÕES PÚBLICAS NO ESTADO, PORÉM NO DECORRER DOS GOVERNOS DE GERMANO RIGOTTO (2003/2007) E YEDA CRUSIUS (2007/2011), AS CONTAS PÚBLICAS FORAM REEQUILIBRADAS, RESTANDO CONSIDERÁVEIS QUANTIAS NOS COFRES PÚBLICOS.

    O MESMO JÁ NÃO SE PODE AFIRMAR, TENHA OCORRIDO NO CRIMINOSO E DESASTRADO TOTAL DESGOVERNO DE TARSO GENRO, QUE ENTRINCHEIROU-SE NO PALÁCIO PIRATINI, SOMENTE PARA ALOJAR EM TODOS OS ÓRGÃO ESTADUAIS, INTEGRANTES DOS TRÊS PODERES, UMA HORDA CORROSIVA DE MILITANTES PARTIDÁRIOS, NA CONDIÇÃO DE CCs, OS QUAIS TAL COMO NO PERÍODO DE OLÍVIO DUTRA, MAIS UMA VEZ AÇAMBARCARAM OS COFRES DO ERÁRIO PÚBLICO, FALINDO LITERALMENTE A MÁQUINA PÚBLICA.

    MAS, ISSO NO ENTANTO, NÃO INVIABILIZA, A QUE JOSÉ IVO SARTORI, O REAL MENTOR (Consorciado com Antonio Britto) DA ETERNA SUPOSTA DÍVIDA RIOGRANDENSE, PAGUE AS OBRIGAÇÕES PECUNIÁRIAS DO ESTADO.

    A ESTRATÉGIA DO SARTORI É MATAR OS SERVIDORES ESTADUAIS À MÍNGUA, ATÉ QUE NÃO MAIS SUPORTANDO A PENÚRIA, GRANDE MAIORIA SE DESEPERE, DEMITINDO-SE E CONCORDANDO COM O LEILOAMENTO DO RESTANTE DO ESTADO, MEDIANTE A APROVAÇÃO DO ELEITORADO MANIPULADO, DOS QUAIS MUITOS AINDA JOVENS, DESCONHECEM A VIDA PREGRESSA, BEM COMO, O NEBULOSO E TENDENCIOSO PASSADO MÓRBIDO DESTE POLÍTICO MAL INTENCIONADO E PRIVATIVISTA, CUJA FINALIDADE PRECÍPUA É DISSEMINAR TORMENTO E DOR, ABRINDO TODOS OS ESCANINHOS DO SEU DESTRUTIVO REPOSITÓRIO DE MEDIDAS POLÍTICAS PERSONALISSIMAMENTE CRIMINOSAS.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s